Pinturas e Poemas - Contineralismo poetico - (tradução: Malin Elisabeth Dillner)
 
rubrik zurücknächstes ptbild home 146

CONHECIMENTO…
temos os nossos sentidos,
para o mundo e a vida reconhecer.
juntos da língua,
para nomes para o mundo e a vida escolher
e a razão,
junta do tempo para amadurecer,
para o nosso conhecimento entender.
tudo isso precisa de mente vigilante,
pensar dúctil e
mão dominante.

SABER…
razão nos chama,
para o saber arrotear.
a pequena chama do espírito,
que nós - com dificuldade geralmente - incendiamos,
segurar, para que ela nos ilumine
mais revelações e sirva
de fonte incessável do saber.
isso será então ciência e
custoso ambicionar
o que ninguém nos vai
no berço colocar.

CRENÇA…
mas tudo o que os próprios sentidos
não nos permitem ver, e
o que a própria mente não deduze,
somos inclinados confiantes a crêr -
através daquilo que se ouve e se lê.
confiança e crença!
um tom estreita de escutar,
que as mentes imbeceis sabe tornar.
e não é por nada que se costuma ouvir:
bem-aventurados são aqueles que
de pobreza no espírito podem usufruir…

 

 

Adão e Eva - o dilema da árvore do conhecimento do bem e do mal finalmente resolvido
tecnica mista sob. platex - 2017 - 85,5 x 85,5 cm
conforme ao rascunho filosófico

 
rubrik zurücknächstes ptbild home 146