Pinturas e Poemas - Contineralismo poetico - (tradução: Malin Elisabeth Dillner)
 
rubrik zurücknächstes ptbild home 147

uma água sem som;
sem murmurar, pingar, fluir;
sem a mais pequena oscilação …
nenhum movimento vai existir,
nenhum entornar de si próprio.
nunca um tremer na pele …-

já te sujeitaste a tanta tensão?
conseguirias tu suportar,
com o maior silêncio,
a ti próprio te completar;
sem um único som
a ti próprio dizer que Não?


 

 

Sereia 12
óleo sob. gitarra - 2017 - 50 x 40 cm (x)

 
rubrik zurücknächstes ptbild home 147